Capacidade Tecnológica e Inovação em Organizações de Serviços Intensivos em Conhecimento: evidências de institutos de pesquisa em Tecnologias da Informação e da Comunicação (TICs) no Brasil

Paulo N. Figueiredo

Resumo


Embora existam vários estudos sobre estratégias de inovação na indústria de tecnologias de informação e comunicação (TICs), há uma escassez de estudos sobre o grau de capacidade tecnológica em nível de organizações que operam à base de TICs, no contexto de áreas em desenvolvimento. Este artigo examina tipos e níveis de capacidades tecnológicas em uma amostra de 18 dos principais institutos de pesquisa em TICs no Brasil, aqui denominados de organizações de serviços intensivas em conhecimento (OSICS). O artigo baseia-se em evidências empíricas de primeira-mão coletadas com base em extensivo trabalho de campo. O estudo encontrou uma variedade de níveis de capacidades para funções tecnológicas específicas, não apenas entre as organizações da amostra, mas também dentro delas. Foi encontrada uma diversidade de processos intra-organizacionais de aprendizagem e de ligações com as demais organizações do sistema de inovação, examinadas aqui como fonte de capacidade tecnológica. Ao aplicar métricas que captam nuanças de tipos e níveis de capacidades tecnológicas e de suas fontes, este artigo contribui para oferecer uma perspectiva mais realista sobre a inovação no âmbito de uma parte específica do seu setor das TICs no Brasil. Pelo menos no âmbito desta amostra estudada, e considerando as limitações deste estudo, as evidências apontam para uma resposta positiva desses institutos ao arcabouço institucional de incentivo às atividades inovadoras criado no início dos anos 1990 (a nova Lei de Informática). Tais evidências, por sua vez, são importantes para clarificar e apoiar o desenho e a implementação de estratégias para acelerar inovação e fortalecer a competitividade deste setor no Brasil.

Palavras-chave


Capacidade Tecnológica; Tecnologias da Informação e da Comunicação (TICs); Organizações de Serviços Intensivas em Conhecimento (OSICs); Inovação Industrial

Texto completo:

PDF


##plugins.generic.alm.title##

##plugins.generic.alm.loading##

Metrics powered by PLOS ALM




Licença Creative Commons
Este obra foi licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 3.0 Brasil

UNICAMP 

ISSN Eletrônico: 2178-2822
ISSN Impresso: 1677-2504
Revista Brasileira de Inovação - Departamento de Política Científica e Tecnológica/Instituto de Geociências - UNICAMP
Caixa Postal 6152 - CEP 13083-870 - Campinas - SP - Brasil - rbi@ige.unicamp.br - Tel (19) 3521-5167 / Fax (19) 3521-4555