Vítimas de anticoncepcionais: a circulação de informações sobre corpo, saúde e sexualidade noFacebook

  • Camila Pissolito

Resumo

Este artigo propõe discutir como a percepção dos efeitos colaterais dos hormônios contraceptivos no corpo das mulheres, auxiliada pelas ferramentas de comunicação digital, tem impulsionado a discussão em torno da pílula. Utilizarei a página do Facebook “Vítimas de anticoncepcionais. Unidas a Favor da Vida” como ponto de partida para a discussão dos efeitos colaterais desse medicamento. Partindo do depoimento de sua criadora, pretendo pensar as redes sociais digitais como uma ferramenta de divulgação de relatos contrários ao consumo de contraceptivos hormonais, identificar os argumentos mobilizados e as percepções sobre a pílula
anticoncepcional que são constituídas nessa plataforma.

Publicado
2019-07-17
Seção
ST 03 - Coproduções contemporâneas: Intervenções biotecnológicas sobre o corpo, gênero e sexualidade