As cavernas do Ceará: panorama contemporâneo do patrimônio Espeleológico

Autores

  • Felipe Antônio Dantas Monteiro Secretaria do Meio Ambiente do Estado do Ceará
  • Pedro Edson Face Moura Universidade Federal do Ceará
  • Juan Francisco Nepomuceno Monteiro Universidade Federal do Ceará

DOI:

https://doi.org/10.20396/sbgfa.v1i2017.2063

Palavras-chave:

Caverna. Diagnóstico ambiental. Patrimônio Espeleológico. Panorama. Ceará

Resumo

O presente trabalho tem o objetivo de apresentar o panorama contemporâneo do patrimônio espeleológico do Estado do Ceará. Partindo do princípio, conhecer para proteger, utiliza-se na realização deste artigo, os conhecimentos relativos à espeleologia (estudo de cavernas), legislação ambiental, fontes bibliográficas, documentais, levantamentos e cadastramentos de cavernas no Brasil e no Ceará. Na elaboração do panorama contemporâneo proposto, tendo em consideração as pouquíssimas publicações sobre a temática, e a complexidade de tipos de fontes de informações sobre as cavidades naturais subterrâneas no Ceará, desenvolveu-se uma metodologia especifica para este estudo, subsidiada pela legislação pertinente à proteção do patrimônio espeleológico brasileiro, e as ações desenvolvidas por instituições governamentais e não governamentais nesta área. Por fim, apresentam-se algumas importantes recomendações de uso e conservação do Patrimônio Espeleológico no Ceará.

Biografia do Autor

Felipe Antônio Dantas Monteiro, Secretaria do Meio Ambiente do Estado do Ceará

Secretaria do Meio Ambiente do Estado do Ceará - SEMA.

Pedro Edson Face Moura, Universidade Federal do Ceará

Programa de Pós-graduação em Geografia, Universidade Federal do Ceará - UFC.

Juan Francisco Nepomuceno Monteiro, Universidade Federal do Ceará

Curso de Geografia, Universidade Federal do Ceará - UFC.

Referências

AULER, A.; ZOGBI, L. Espeleologia: noções básicas. São Paulo: Redespeleo Brasil, 2005.

_________.; PILÓ, L. B. Geoespeleologia. In: III Curso de Espeleologia e Licenciamento Ambiental. Brasília: Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Cavernas (CECAV) / Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), 2013.

CECAV-ICMBio. Base de dados geoespacializados das cavernas do Brasil. Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Cavernas (CECAV) / Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Disponível em: <http://www.icmbio.gov.br/cecav/downloads/mapas.html>. Acesso em: 29 abr. 2016 a.

______________. Cadastro Nacional de Informações Espeleológicas – CANIE. Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Cavernas (CECAV) / Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Disponível em: <http://www.icmbio.gov.br/cecav/canie.html >. Acesso em: 29 abr. 2016 b.

______________. Brasil ultrapassa 10.000 cavernas conhecidas. Espeleo Info – boletim eletrônico do CECAV, Brasília, ano 3, edição especial, jan. 2012. Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Cavernas (CECAV) / Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Disponível em: <http://www.icmbio.gov.br/cecav/images/download/Boletim_Cecav_ano%203_EdicaoEspecial_JAN2012.pdf>. Acesso em: 15 jun. 2014.

CONAMA. Resolução nº 347, de 10 de setembro de 2004. Dispõe sobre a proteção do Patrimônio Espeleológico. Conselho Nacional de Meio Ambiente (CONAMA). Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 13 set. 2004.

IBGE. Mapa político de Estado do Ceará, em escala original de 1:250.000. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 2010.

ICMBio. Parque Nacional de Ubajara. Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Disponível em: <http://www.icmbio.gov.br/parnaubajara/>. Acessado em: 7 ago. 2014.

JANSEN, D.C; CAVALCANTI, L. F.; LAMBLÉM, H. S. Mapa de Potencialidade de Ocorrência de Cavernas no Brasil, na escala 1:2.500.000. Revista Brasileira de Espeleologia (RBEsp), Brasília, 2012, v. 1, n.2. 2012. Disponível em: <http://www.icmbio.gov.br/revistaeletronica/index.php/RBEsp/article/view/255>. Acesso em: 15 jun. 2014.

MONTEIRO, Felipe A D. A Espeleologia e as Cavernas no Ceará: conhecimentos, proteção ambiental e panorama atual. 2014. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente) – Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2014. Disponível em: <http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/15881>. Acesso em: 29 abr. 2016.

______________________. Patrimônio Espeleológico Brasileiro: Proteção, Licenciamento Ambiental e Destruição. In: VI Congreso Iberoamericano de Estudios Territoriales y Ambientales (CIETA), 2014, São Paulo-SP. Anais VI CIETA, 2014 b. Disponível em: <http://6cieta.org/arquivos-anais/eixo5/Felipe%20Antonio%20Dantas%20Monteiro.pdf>. Acesso em: 29 abr. 2016.

______________________.; SILVA, D.D.S.. Estudo de caso da gruta Casa de Pedra, no município de Madalena-CE: experiências da SEMA no Grupo de Trabalho do MPE-CE, relativo à Proteção ao Patrimônio Espeleológico do Território Cearense. In: Congresso Brasileiro de Espeleologia - CBE, 33., 2015. Eldorado. Anais 33ºCBE. Campinas: Sociedade Brasileira de Espeleologia (SBE), 2015. p.655-665. Disponível em: <http://www.cavernas.org.br/anais33cbe/33cbe_655-665.pdf>. Acesso em: 29 abr. 2016.

______________________. Espeleologia e legislação – proteção, desafios e o estado do conhecimento. In: Congresso Brasileiro de Espeleologia - CBE, 32., 2013. Barreiras. Anais 32ºCBE. Campinas: Sociedade Brasileira de Espeleologia (SBE), 2013. p. 197-206. Disponível em: <http://www.cavernas.org.br/anais32cbe/32cbe_197-206.pdf>. Acesso em: 29 abr. 2016.

______________________. Projeto de implantação de conhecimentos, práticas e legislação pertinentes à espeleologia na Superintendência Estadual do Meio Ambiente – SEMACE. In: Congresso Brasileiro de Espeleologia - CBE, 31., 2011. Ponta Grossa. Anais 31ºCBE. Campinas: Sociedade Brasileira de Espeleologia (SBE), 2011. p. 263-267. Disponível em: <http://www.cavernas.org.br/anais31cbe/31cbe_263-267.pdf> Acesso em: 29 abr. 2016.

OLIVEIRA-GALVÃO, A.L.C. Base de Dados Geoespacializados do Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Cavernas - CECAV. Revista Brasileira de Espeleologia (RBEsp), Brasília, 2014, v. 1, n.4. Disponível em: . Acesso em: 15 jun. 2014.

SBE. Cadastro Nacional de Cavernas – CNC. Sociedade Brasileira de Espeleologia (SBE). Disponível em: <http://www.cavernas.org.br/cnc/Home/Index>. Acesso em: 29 abr. 2016.

___. CANIE desrespeita autoria e fonte de dados. SBENoticias - Boletim Eletrônico da SBE, ano 9, n. 289, 1 mar. 2014. Campinas, SP: Sociedade Brasileira de Espeleologia (SBE), 2014. Disponível em: <http://www.cavernas.org.br/sbenoticias/SBENoticias_289.pdf>. Acesso em: 1 ago. 2014.

XIMENES, C. L. Breve panorama sobre o patrimônio espeleológico do Estado do Ceará. Fortaleza: Instituto Cearense de Ciências Naturais – ICCN, mai. 1998.

______________. Tejuçuoca: uma nova área espeleoturística no nordeste do Brasil. InformAtivo SBE - Sociedade Brasileira de Espeleologia, n. 90, p.22-23, jan./abr. 2005.

Downloads

Publicado

2018-02-04

Edição

Seção

Geodiversidade, Geoarqueologia e Patrimônio Natural