Análise dos alagamentos recorrentes na bacia hidrográfica do Córrego São José – Ituiutaba/MG

Autores

  • Cecília Mussa Malvezzi Universidade Federal de Uberlândia
  • Leda Correia Pedro Miyazaki Universidade Federal de Uberlândia

DOI:

https://doi.org/10.20396/sbgfa.v1i2017.2136

Palavras-chave:

Bacia hidrográfica. Alagamento. Expansão territorial urbana

Resumo

Esta pesquisa visa efetuar uma análise dos recorrentes alagamentos ocorridos na Bacia Hidrográfica do Córrego São José, localizado no municipio de Ituiutaba/MG e como a urbanização auxiliou nesse processo. Para efetuar tal objetivo, os procedimentos metodológicos foram trabalhos de campo, elaboração de cartas temáticas no QGIS e estudos bibliográficos. É notóreo através dos resultados já obtidos que a expansão territorial urbana que ocupou parte da bacia está auxiliando no processo de alagamento, principalmente decorrentes da forma como o relevo veem sendo ocupado e isso interfere na vida das pessoas que ali vivem. É, também, perceptível que a impermeabilização do solo provocada pelo asfalto e a forte inclinação da vertente fazem com que o fundo de vale, onde está presente o córrego, alague em períodos de chuvas intensas. Conclui-se, então, que a expansão da malha urbana, a ocupação das área de topo das colinas, assim como das vertentes e fundos de vale , a deficiência  da drenagem urbana e as intervenções realizadas no canal fluvial  estão contribuindo para o aumento do escoamento superfical o que acaba intensificando os alagamentos momentaneos na parte urbanizada da bacia Hidrográfica do Córrego São José.

Biografia do Autor

Cecília Mussa Malvezzi, Universidade Federal de Uberlândia

Discente do Curso de Graduação em Geografia, Faculdade de Ciências Intgradas do Pontal, Universidade Federal de Uberlândia

Leda Correia Pedro Miyazaki, Universidade Federal de Uberlândia

Docente do Curso de Graduação e Pós-Graduação em Geografia, Faculdade de Ciências Intgradas do Pontal, Universidade Federal de Uberlândia

Referências

BOTELHO, Manoel H.C. 1998. Águas de chuva: engenharia das águas pluviais nas cidades. São Paulo: Edgard Blücher. 17p.

BOTELHO, Rosangela. G. M. Planejamento Ambiental em Microbacia Hidrográfica. In: Guerra, A. J. T.; Silva, A. S. da; Botelho, R. G. M. et al Erosão e Conservação de Solos Conceitos, temas e aplicações. - 3ª edição – Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2007, p. 269.

MALVEZZI, C. M., PEDRO MIYAZAKI, L. C. O estudo da caracterização dos aspectos naturais e impactos ambientais na Bacia Hidrográfica do Córrego São José; Ituiutaba/MG. In: XVIII Encontro Nacional de Geógrafos 20016. São Luiz, Anais eletrônico XVII Encontro Nacional de Geógrafos. Trabalho completo. Disponível em: http://www.eng2016.agb.org.br/site/anaiscomplementares2?AREA=13#C

Downloads

Publicado

2018-02-04

Edição

Seção

Bacias Hidrográficas e Recursos Hídricos: Análise, Planejamento e Gestão