Efeitos de um evento astronômico de superlua na formação de ressacas do mar no litoral do Ceará e suas alterações na morfologia praial

Autores

  • Jailson Cavalcante Lima Universidade Estadual do Ceará
  • Ismael Furtado Pereira Lima Universidade Estadual do Ceará
  • Antônio Emanuel dos Santos Silva Universidade Estadual do Ceará
  • Davis Pereira de Paula Universidade Estadual do Ceará

DOI:

https://doi.org/10.20396/sbgfa.v1i2017.2163

Palavras-chave:

Litoral. Ressaca do mar. Praia do Icaraí

Resumo

Este trabalho avaliou os efeitos do fenômeno de superlua na formação de um evento de ressaca do mar no litoral do Ceará, tendo como estudo de caso, as alterações morfológicas causadas na Praia do Icaraí, Caucaia-CE. Para a avaliação foram monitorados 3 perfis de praia ao longo de 4 dias (14/11/2016 a 17/11/2016) de ocorrência do evento, os perfis foram levantados com auxílio de uma estação total. A partir dos dados adquiridos foi observado que as ressacas do mar não induziram alterações morfológicas significativas na Praia do Icaraí e tão pouco provocou algum tipo de dano aos equipamentos urbanos ali instalados, contrariando a lógica de um evento apenas destrutivo.

Biografia do Autor

Jailson Cavalcante Lima, Universidade Estadual do Ceará

Centro de Ciências e Tecnologia, Universidade Estadual do Ceará.

Ismael Furtado Pereira Lima, Universidade Estadual do Ceará

Centro de Ciências Exatas e Tecnologia, Universidade Estadual Vale do Acaraú.

Antônio Emanuel dos Santos Silva, Universidade Estadual do Ceará

Centro de Ciências Exatas e Tecnologia, Universidade Estadual Vale do Acaraú.

Davis Pereira de Paula, Universidade Estadual do Ceará

Centro de Ciências e Tecnologia, Universidade Estadual do Ceará, PROPGEO/UECE, MAG/UVA.

Referências

BIRKEMEIER, W. A. Fast Accurate Two-Person Beach Survey. 22 p., Coastal Engineering Technical Aid 81-11. U.S Army Engineer Waterways Experiment Station. Coastal Engineering Research Center, Vicksburg, Mississippi, USA, 1981.

IPECE - Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará. Perfil básico municipal de Caucaia. 2015. 18 p.

FERNANDEZ, G. B; MALUF, V; BULHÕES, E. M; ROCHA, T. B; PEREIRA, T. G; FILHO, S. O; Impactos morfológicos e resiliência das praias no litoral do Rio de Janeiro: referência especial a morfodinâmica praial. In: PAULA, D. P; DIAS, J. A; Ressacas do mar: temporais e gestão costeira. Fortaleza: Premius. 2015. Seção 3, cap. 2, p. 277-329.

PAULA, D. P. Análise dos riscos de erosão costeira no litoral de Fortaleza em função da vulnerabilidade aos processos geogênicos e antropogênicos. Tese de doutorado, Universidade do Algarve, Faculdade de ciências do mar, 2012. 335 p.

PAULA, D. P; MORAIS, J. O; FERREIRA, O; DIAS, J. A. Análise histórica das ressacas do mar no litoral de Fortaleza (Ceará, Brasil): origem, características e impactos. In: PAULA, D. P; DIAS, J. A. Ressacas do mar: temporais e gestão costeira. Fortaleza: Premius. 2015. Seção 2, cap. 2, p. 173-201.

Downloads

Publicado

2018-02-04

Edição

Seção

Dinâmica e Gestão de Zonas Costeiras