Distribuição de sedimentos costeiros em ambiente de baixa energia Enseadas de Arraial do Cabo, Rio de Janeiro, Brasil

Autores

  • Paula Roahn Motta Universidade Federal Fluminense
  • Laura Rangel Netto Universidade Federal Fluminense
  • Eduarda Bulhões Bastos Universidade Federal Fluminense
  • Eduardo Manuel Rosa Bulhoes Universidade Federal Fluminense

DOI:

https://doi.org/10.20396/sbgfa.v1i2017.2171

Palavras-chave:

Praias de Enseada. Transporte de Sedimentos. Análise Granulométrica

Resumo

O presente trabalho discute temas relacionados à dinâmica de praias de enseada e de ambientes de baixa energia no que diz respeito o estoque e a distribuição das características de sedimentos de fundo. O objetivo central é caracterizar o depósito costeiro por meio de análises em laboratório e elaboração de mapas de distribuição. Foram selecionadas três enseadas no município de Arraial do Cabo (RJ). As etapas metodológicas partiram da definição de uma malha amostral de 96 amostras coletadas desde a praia emersa até profundidades de 12 metros, seguido por análises em laboratório através do método de peneiramento à seco e método ótico. Os resultados indicam a ocorrência de depósitos majoritariamente de areias finas e médias moderadamente selecionadas. Cabe ainda a discussão inicial sobre a origem dos depósitos siltosos encontrados em maiores profundidades.

Biografia do Autor

Paula Roahn Motta, Universidade Federal Fluminense

Universidade Federal Fluminense

Laura Rangel Netto, Universidade Federal Fluminense

Universidade Federal Fluminense

Eduarda Bulhões Bastos, Universidade Federal Fluminense

Universidade Federal Fluminense

Eduardo Manuel Rosa Bulhoes, Universidade Federal Fluminense

Universidade Federal Fluminense

Referências

BLOTT, S.J. & PYE, K. Gradistat: A Grain Size Distribution and Statistics Package for the Analysis of Unconsolidated Sediments. Earth Surface Processes andLandforms 26. v. 26, n. 11, p. 1237-1248, 2001.

BULHOES, E.; FERNANDEZ, G. B. Aspectos Morfodinâmicos em Praias de Enseada: Estudo de Caso em Armação dos Búzios, RJ. Revista Brasileira de Geomorfologia. v. 17, n. 2, p. 253-271, 2016.

BULHÕES, E.; DRUMOND, M. K. Análises e Testes de Métodos de Interpolação para Dados Batimétricos e Granulométricos: Estudo de Caso em Armação dos Búzios, Rio de Janeiro, Brasil. Cadernos de Estudos Geoambientais, v. 3, n. 1, p. 5-31, 2012.

DAVIES, J. L. Geographical Variation in Coastal Development.Edinburgh: Oliver &Boyd, 1972.

DIAS, João A. A análise sedimentar e o conhecimento dos sistemas marinhos. Universidade do Algarve. E-Books, 2004.

ESTRADA, A. F. D.; BULHOES, E.; Aspectos Erosivos na Enseada da Praia Brava. Armação dos Búzios, Rio de Janeiro. In: VIII Simpósio Nacional de Geomorfologia. 2010.

FOLK, R. L.; WARD, W. C. BrazosRiver Bar: A Study in the Significance of Grain Size Parameters. Journal of Sedimentary Petrology, v. 27, n.1, p.3-26, 1957.

HEGGE, B.; ELIOT, I.; HSU, J. Sheltered Sandy Beaches of Southwestern Australia.Journal of Coastal Research, v. 12, n. 3, p. 748-760, 1996.

JACKSON, N.L.; NORDSTROM, K.F.; ELIOT, I.; MASSENLINK, G. 'Low Energy' Sandy Beaches in Marine and Estuarine Environments: A Review.Geomorphology, v. 48, n. 1, p. 147-162, 2002.

LEATHERMAN, S.P. Barrier Island Handbook. 3a. Edition. College Park: University of Maryland, 1988.

PEREIRA, Thiago Gonçalves et al. Morfodinâmica Entre a Praia, Duna e Zona Submarina Adjacente nas Proximidades do Cabo Frio, RJ. In: XI Congresso da Associação Brasileira dos Estudos do Quaternário. 2007.

TAVARES, A. C. A.; BULHOES, E; DUQUE ESTRADA, A. F. Distribuição De Fácies Sedimentares E Tendências De Transporte De Sedimentos Na Enseada De Manguinhos, Armação dos Búzios, RJ. Revista de Geografia (Recife), v. 27, n. 2, p. 81-96, 2010.

Downloads

Publicado

2018-02-04

Edição

Seção

Dinâmica e Gestão de Zonas Costeiras