Evolução da linha de costa no flanco norte do delta do rio Paraíba do Sul (RJ) a partir de registros históricos

Autores

  • André Paulo Ferreira Costa Universidade do Estado do Rio de Janeiro,
  • Thaís Baptista Rocha Universidade Federal Fluminense

DOI:

https://doi.org/10.20396/sbgfa.v1i2017.2177

Palavras-chave:

Evolução linha de costa. Delta Paraíba do Sul. Registros históricos

Resumo

A planície deltaica do Rio Paraíba do Sul representa uma área extremamente dinâmica onde se verificam alterações proeminentes na linha de costa. Por esse motivo, o delta vem sendo alvo de estudos sistemáticos desde a primeira metade do século XX. Alberto Ribeiro Lamego foi um dos pioneiros nesses estudos, deixando obras de grande importância para a área. O presente trabalho teve por objetivo avaliar a evolução da linha de costa no flanco Norte do delta do Rio Paraíba do Sul a partir de registros obtidos na obra de Lamego (1934; 1945; 1946) em conjunto com outros registros históricos diversos, fotografias e imagens. Foi possível observar progradação da ordem de 740 m em um determinado ponto da área de estudos com nítida tendência de aumento das taxas de progradação em direção a norte. Mostramos a pertinência do uso de registros históricos em estudos relacionadas a geomorfologia costeira e, em particular, ao delta do Rio Paraíba do Sul.

Biografia do Autor

André Paulo Ferreira Costa, Universidade do Estado do Rio de Janeiro,

Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Thaís Baptista Rocha, Universidade Federal Fluminense

Universidade Federal Fluminense

Referências

FERNADEZ, G. B. & ROCHA, T. B. da. Barreiras costeiras holocênicas: geomorfologia e arquitetura deposicional no litoral do rio de janeiro. Revista Brasileira de Geomorfologia, São Paulo, vol.16, n.2, (Abr-Jun) p.301-319, 2015.

FREITAS, I. A. de. História Ambiental e Geografia: Natureza e cultura em interconexão. Geo Uerj, Rio de Janeiro, Vol. 2, n. 17, p. 20-33, 2007.

FREITAS, I. A. de; PINTO, F. L. M. & MOURA, R. de A. A História Ambiental na Geografia de Alberto Lamego. Interagir: Pensando a extensão, Rio de Janeiro, n. 9, p. 71-78, jan/jul. 2006.

LAMEGO, Alberto Ribeiro. A Planície do Solar e a Senzala. Rio de Janeiro: Livraria Católica, 1934.

LAMEGO, Alberto Ribeiro. O Homem e a Restinga. Rio de Janeiro, IBGE, 1946.

LAMEGO, Alberto Ribeiro. O Homem e o Brejo. Conselho nacional de geografia, 1945.

MUSEUONLINESFI. <http://museuonlinesfi.blogspot.com.br/search?q=Garga%C3%BA&updated-max=2015-05-21T06:57:00-07:00&max-results=20&start=0&by-date=false>. Acessado em 02/2017.

REN, M-E. & SHI, Y-L. Sediment discharge of the Yellow River (China) and its effect on the sedimentation of the Bohai and the Yellow Sea. Continental Shelf-Research, Vol. 6, n. 6, pp. 785--810, 1986.

RIBEIRO, G. P.; ROSAS, R. O. Processos costeiros: erosão em Atafona e progradação em Grussaí, São João da Barra (RJ) – morfometria para retratação espacial desses eventos e identificação de sua tendência evolutiva. In: VI SIMPÓSIO NACIONAL DE GEOMORFOLOGIA, GOIÂNIA, Anais, 2006.

ROCHA, T. B. (2009). Morfodinâmica costeira e gestão de orla marítima em costa sob influência fluvial: borda meridional do atual delta do Rio Paraíba do Sul (RJ). Dissertação (Mestrado em Geografia): Inst. Geociências/Universidade Federal Fluminense. 141p.

VASCONCELOS, S. C. de; ROCHA, T. B. da; PEREIRA, T.; ALVES, A. R. & FERNANDEZ, G. B. Gênese e morfodinâmica das barreiras arenosas no flanco norte do delta do Rio Paraíba do Sul (RJ). Revista brasileira de Geomorfologia, Vol. 17, n. 3, p. 481-498, 2016.

TRIMBLE, S. W & COOKE, R. U. Historical sources for geomorphological research in the United States. The Professional Geographer, Vol. 43, n. 2, p. 212-228, 1991.

TRIMBLE, S. W. The use of historical data and artifacts in geomorphology. Progress in Physical Geography, Vol. 32, n. 1, p. 3-29, 2008.

Downloads

Publicado

2018-02-04

Edição

Seção

Dinâmica e Gestão de Zonas Costeiras