Sensoriamento remoto aplicado à análise do Índice de Vegetação na microrregião de Santarém – PA (2005 e 2015)

Autores

  • Ana Claudia Ferreira Ramos Universidade Federal do Pará
  • Priscila Costa dos Santos Universidade Federal do Pará
  • Claudio Jose de Lima Universidade Federal do Pará
  • Lucio Correa Miranda Universidade Federal do Pará

DOI:

https://doi.org/10.20396/sbgfa.v1i2017.2270

Palavras-chave:

Índice de Vegetação. Monitoramento. Sensoriamento remoto

Resumo

O cálculo do índice de vegetação por diferença normalizada (NDVI) obtidas a partir de imagens do satélite Landsat 5, sensor TM do ano de 2005 e do satélite Landsat 8, sensor OLI do ano 2015 foram utilizadas para delimitar áreas com diferentes densidades de cobertura vegetal nos Municípios de Santarém, Belterra, Placas, Aveiro e Mojuí dos Campos no Oeste do Pará. As imagens de NDVI permitiram diferenciar áreas com cobertura vegetal. E foi possível constatar muitas mudanças na paisagem. Os dados obtidos constituem informação preliminar para estudos que visem monitorar e fiscalizar os serviços ambientais prestados pelas diferentes formas de uso e cobertura da terra, bem como para mitigar os impactos negativos causados pelas alterações na Amazônia Brasileira.

Biografia do Autor

Ana Claudia Ferreira Ramos, Universidade Federal do Pará

Faculdade de Tecnologia em Geoprocessamento, UFPA.

Priscila Costa dos Santos, Universidade Federal do Pará

Faculdade de Tecnologia em Geoprocessamento, UFPA.

Claudio Jose de Lima, Universidade Federal do Pará

Faculdade de Tecnologia em Geoprocessamento, UFPA.

Lucio Correa Miranda, Universidade Federal do Pará

Faculdade de Tecnologia em Geoprocessamento, UFPA.

Referências

BRASIL. INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Produção Agrícola Municipal. RJ, 2005

HOLANDA, A. SOUSA DE; GUERRA, C. E. Monitoramento da região do Eixo- Forte no município de Santarém – PA utilizando imagens dos índices de vegetação de NDVI e NDWI. III Simpósio Brasileiro de Ciências Geodésicas e Tecnologias da Geoinformação, Recife - PE, 27-30 de Julho de 2010, Universidade Federal do Oeste do Para – UFOPA - p. 001-005, 2010.

NOVO, E. M. L. DE MORAES. Sensoriamento Remoto: princípios e aplicações. São Paulo: Blucher Ed, 2010.

PONZONI, F.J. Sensoriamento remoto no estudo da vegetação. São José dos campos, SP: A. Silva Vieira Ed, 2009.

Downloads

Publicado

2018-02-04

Edição

Seção

Geotecnologias e Modelagem Espacial em Geografia Física