Análise da variabilidade espectral no monitoramento da cana-de-açúcar usando medidas de complexidade e imagens Rapideye

Autores

  • Maristella Cruz de Moraes Universidade Estadual de Campinas
  • Luiz Eduardo Vicente Embrapa Meio Ambiente/Plataforma ABC
  • Sérgio Henrique V. Leme de Mattos Universidade Federal de Grande Dourados
  • Daniel Gomes dos Santos Wendriner Loebman Embrapa Meio Ambiente/Plataforma ABC

DOI:

https://doi.org/10.20396/sbgfa.v1i2017.2273

Palavras-chave:

Variabilidade. Complexidade. Cana-de-açúcar. Rapideye. Clorofila

Resumo

A constelação Rapideye, operacional desde 2009 com seus cinco satélites, oferece imagens multiespectrais com consideráveis resoluções temporais e espaciais (5 dias e 5m, respectivamente). O sensor REIS foi o pioneiro a oferecer informações sobre a banda Red Edge, situada entre a banda do vermelho e infravermelho próximo, permitindo análises mais robustas no que tange à presença de compostos biofísicos na vegetação, sobretudo de clorofila. Partindo deste pressuposto e da, ainda pouca, utilização deste satélite para a agricultura, analisamos a variabilidade espectral através de métricas de complexidade embasadas em entropia informacional para as bandas 3, 4 e 5 do sensor em fragmentos de diferentes tipos de manejo de cana-de-açúcar na Estação experimental de citricultura de Bebedouro (SP). Os resultados mostram valores coerentes com o arcabouço teórico, considerando incremento informacional (maior complexidade) quando do uso da banda RedEdge, reforçando o uso de imagens Rapideye para tais finalidades, propondo análises alternativas de variabilidade.

Biografia do Autor

Maristella Cruz de Moraes, Universidade Estadual de Campinas

IGE/ Instituto de Geociências, Universidade Estadual de Campinas.

Luiz Eduardo Vicente, Embrapa Meio Ambiente/Plataforma ABC

Embrapa Meio Ambiente/Plataforma ABC, Jaguariúna, SP, Brasil.

Sérgio Henrique V. Leme de Mattos, Universidade Federal de Grande Dourados

Faculdade de Ciências Humanas/ Universidade Federal de Grande Dourados.

Daniel Gomes dos Santos Wendriner Loebman, Embrapa Meio Ambiente/Plataforma ABC

Embrapa Meio Ambiente/Plataforma ABC, Jaguariúna, SP, Brasil.

Referências

JENSEN. J. R. Introductory digital imageprocessing: a remotesensing perspective. 2. ed. UpperSaddle River: Prentice-Hall, 1996, 318 p.

MORAES, M. C.; LOEBMANN, D. G. S. W.; PAIM, F. A. P., MATTOS, S. H. V. L., VICENTE, L. E. Avaliação de imagens multiespectrais Landsat/tm5 em radiância e reflectância de superfície na utilização do software CompPlexus. 8º Congresso Interinstitucional de Iniciação Científica – CIIC 2014. Anais... Campinas – SP. 2014

MORAES, M. C.; LOEBMANN, D. G. S. W.; PAIM, F. A. P.; MATTOS, S. H. V. L.; VICENTE, L. E. Mapas de complexidade de fragmentos de Cerrado a partir da Variabilidade espacial de dados do sensor ThematicMapper 5. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 17., 2015, João Pessoa. Anais... São José dos Campos: INPE, 2015. p. 3927-3934.

PIQUEIRA, J. R. C.; MATTOS, S. H. V. L. Note on LMC complexity measure. Ecological Modelling, v. 222, n. 19. p. 3603-3604, 2011.

PIQUEIRA, J. R. C.; MATTOS, S. H. V. L.; VASCONCELOS-NETO, J. Measuring complexity in three-trophic level systems. EcologicalModelling, v. 220. p. 266-271, 2009.

ROCHA, T. M. G.; VICENTE, L E.; MATTOS, S. H. V. L.; PAIM, F. A. P.; MORAES, M. C. Identificação de padrões vegetacionais em imagens do sensor Rapideye comparado ao sensor Aster utilizando medidas de complexidade. In: 9º Congresso Interinstitucional de Iniciação Científica – CIIC 2015. Anais... Campinas – SP. 2015

SHINER, J. S.; DAVISON, M.; LANDSBERG, P. T. Simple measure of complexity. Physical Review E, v. 59, n. 2, p. 1459-1464, 1999.

SOUZA, C. H. W. de., LAMPARELLI, R. A. C.; JUSTINA, D. D. D.; ROCHA, J. V. Estudo da banda Red Edge do satélite Rapideye na descriminação da cobertura vegetal. Anais XVII Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto - SBSR, João Pessoa-PB, Brasil, 25 a 29 de abril de 2015, INPE p.3612-3618.

VEDOVATO, L. B.; VICENTE, L. E.; PAIM, F. A. P.; PIQUEIRA, J. R. C.; MATTOS, S. H. V. L.; CompPlexus: programa para avaliação de complexidade de padrões em imagens multiespectrais de sensores remotos. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 16., 2013, Foz do Iguaçú. Anais... São José dos Campos: INPE, 2013. p. 6727-6734.

VEDOVATO, L. B.; VICENTE, L. E.; PAIM, F. A. P.; PIQUEIRA, J. R. C.; MATTOS, S. H. V. L. Análise multiespectral de medidas de complexidade utilizando o software CompPlexus aplicado a dados do sensor ASTER. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 17., 2015, João Pessoa. Anais... São José dos Campos: INPE, 2015. p. 5967-5974.

Downloads

Publicado

2018-02-04

Edição

Seção

Geotecnologias e Modelagem Espacial em Geografia Física