Espacialização da precipitação pluviometrica total anual da bacia hidrográfica do Alto Jacuí-RS

Autores

  • Jakeline Baratto Universidade Federal de Santa Maria
  • Cássio Arthur Wollmann Universidade Federal de Santa Maria

DOI:

https://doi.org/10.20396/sbgfa.v1i2017.2385

Palavras-chave:

Precipitação pluviométrica. Variabilidade. Postos pluviométricos. Bacia hidrográfica

Resumo

Este trabalho tem como objetivo especializar a precipitação pluviométrica total anual de cada posto pluviométrico da bacia hidrográfica do Alto Jacuí-RS. Com isso, buscou-se dados dos postos pluviométricos localizado na área de estudo e próximo do seu divisor de água. Assim, foram selecionados 27 postos pluviométricos com uma série de dados mensais de janeiro de 1980 a dezembro de 2010, contemplando 31 anos. Após a aquisição dos dados, os mesmos foram tabulados e organizados. Foi utilizado o método de Sturges para determinar o número de classes, sendo estabelecidas diferentes classe para cada cartograma e o Software ArcGIS para a geração das isoietas. Analisando os totais anuais dos 31 anos pode-se perceber que há uma tendência na região central e sudoeste da bacia hidrográfica em concentrarem os menores valores de precipitação pluviométrica. Dessa forma, é compreensível considerar que o efeito orográfico é um fator importantíssimo na variação pluviométrica.

Biografia do Autor

Jakeline Baratto, Universidade Federal de Santa Maria

Doutoranda do Programa de pós-graduação em Geografia/Bacharel em Geografia, Licencianda em Geografia, Universidade Federal de Santa Maria.

Cássio Arthur Wollmann, Universidade Federal de Santa Maria

Professor do Programa de pós graduação em Geografia/Bacharel em Geográfia, Universidade Federal de Santa Maria.

Referências

BRITTO, F. P.; BORLETTA, R.; MENDONÇA, M. Regionalização sazonal e mensal da precipitação pluvial máxima no estado do Rio Grande do Sul. Revista Brasileira de Climatologia, Vol. 2, p. 35-51, dez. 2006.

COMITE DE GERENCIAMENTO DA BACIA HIDROGRÁFICA DO ALTO JACUÍ. Plano de Bacia. Carazinho, 2016. Disponível em: <http://www.coaju.com.br/plano_de_bacia>. Acesso em: Jan. 2016.

HASENACK, H.; WEBER, E.(org.) Base cartográfica vetorial contínua do Rio Grande do Sul - escala 1:50.000. Porto Alegre: UFRGS Centro de Ecologia. 2010. 1 DVD-ROM. (Série Geoprocessamento n.3). ISBN 978-85-63483-00-5 (livreto) e ISBN 978-85-63843-01-2 (DVD).

INMET – Instituto Nacional de Meteorologia. MAPA- Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Normais Climatológicas do Brasil 1961 -1990. Edição revista ampliada. Brasília, 2009. 253p.

ROSSATO. M. S. Os climas do Rio Grande do Sul: variabilidade, tendências e tipologia. 2011. 253 f. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2011.

SARTORI, M. da G. B. A Circulação Atmosférica Regional e os Principais Tipo de Sucessão do Tempo no Inverno do Rio Grande do Sul, RS. Ciência e Natura, UFSM, 15: 69-93, 1993a.

SARTORI, M. da G. B. A dinâmica do clima no Rio Grande do Sul: indução empírica e conhecimentos científicos. Terra Livre, São Paulo, Ano 19, vol. I, n. 20, p. 27-49,jan./jul. 2003.

WOLLMANN, C. A. Zoneamento Agroclimático para a Produção de Roseiras (Rosaceae spp.) no Rio Grande do Sul. Tese (Doutorado em Geografia Física). Universidade de São Paulo. 2011. 382p. 2. V.

Downloads

Publicado

2018-02-04

Edição

Seção

Temas Gerais