Aspectos hidroclimáticos e comportamento da precipitção nos municipios de Acaraú e Aamocim - CE

Autores

  • Paulo Roberto Silva Pessoa Universidade Estadual do Ceará
  • Tarcyana Camara Barroso Universidade Estadual do Ceará
  • Giovana Gonçalves Bezerra Universidade Estadual do Ceará
  • Luana Braga da Rocha Universidade Estadual do Ceará

DOI:

https://doi.org/10.20396/sbgfa.v1i2017.2473

Palavras-chave:

Regime pluviométrico. Bacias hidrográficas. Semiaridez

Resumo

As bacias dos Acaraú e Coreaú estão submetidas quase em sua totalidade a sazonalidade do clima semiárido, exceto a sua porção que se localiza a partir do baixo curso destes rios, onde recebem também a contribuição do clima litorâneo e dos sistemas atmosféricos dinâmicos que atuam na faixa litorânea no nordeste. Contudo, este ambiente mesmo não estando submetido à semiaridez climática, recebe influencia dessa condição, uma vez que a maior parte da bacia se localiza nos ambientes semiáridos. A compreensão do funcionamento da dinâmica do tempo e do clima na porção correspondente ao baixo curso desses rios é de importância inequívoca também para entender o comportamento dos ambientes e processos litorâneos associados. O objetivo deste trabalho é descreve e comparar os regimes de precipitação desses municípios localizados no litoral oeste do estado do Ceará. 

Biografia do Autor

Paulo Roberto Silva Pessoa, Universidade Estadual do Ceará

Prof. Dr. Curso de Geografia da Universidade Estadual do Ceará – UECE/LGCO.

Tarcyana Camara Barroso, Universidade Estadual do Ceará

Aluna do Curso de Geografia da UECE - Bolsista ICT/ FUNCAP/UECE.

Giovana Gonçalves Bezerra, Universidade Estadual do Ceará

Aluna do Curso de Geografia da UECE - Bolsista PRAE/UECE.

Luana Braga da Rocha, Universidade Estadual do Ceará

Aluna do Curso de Geografia da UECE - Bolsista PROMAC/UECE.

Referências

AZEVEDO, P. V. De; SILVA, B. B., Da; RODRIGUES, M. F. G. Previsão das chuvas de outono no estado do Ceará. Revista Brasileira de Meteorologia, v. 13, n. 1, p. 19-30, 1998.

CEARÁ. COGERH. Caderno regional da bacia do Acaraú, 2009. Disponível em 18/05/2015.

CEARÁ. COGERH. Caderno regional da bacia do Coreaú, 2009. Disponível em 18/05/2015.

CEARÁ. IPECE. http://www.ipece.ce.gov.br/publicacoes/perfil_basico/perfil-basico-municipal-2014.html. Acessado em 18/05/2015.

FUNCEME, 1991. Análise preliminar do fator mais provável da medida de tendência central das series anuais de precipitação no Ceará. Fortaleza, Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos, 1991.

EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISAS AGROPECUÁRIAS – EMBRAPA: Agroindústria Tropical. Contexto geoambiental das Bacias hidrográficas dos rios Acaraú, Curu e baixo Jaguaribe – estado do Ceará. Fortaleza. 52p. Documentos 101, 2005.

KÖPPEN, W. Grundriss der klimakunde. Berlin: W. Guyter, 1931. 390p.

LACERDA, L.D. GODOY, M.D; MAIA, L.P. Mudanças climáticas globais. Ciência Hoje. 2010.

MOLION, L.C.B.; BERNARDO, S.O. Uma revisão da dinâmica das chuvas no Nordeste Brasileiro. Revista Brasileira Meteorologia, 17(1)1-10, 2002.

Downloads

Publicado

2018-02-04

Edição

Seção

Climatologia em diferentes níveis escalares: mudanças e variabilidades