Protótipo de jogo para o ensino de análise e gestão de bacias hidrográficas

Autores

  • Cintia Dias Coelho Departamento de Geografia, Instituto de Geociências, Unicamp
  • Ronaldo da Silva Monteiro Departamento de Geografia, Instituto de Geociências, Unicamp
  • Raul Reis Amorim Departamento de Geografia, Instituto de Geociências, Unicamp http://orcid.org/0000-0001-7358-6696

DOI:

https://doi.org/10.20396/sbgfa.v1i2017.2482

Palavras-chave:

Recursos hídricos. Regiões hidrográficas. Jogos

Resumo

O presente trabalho criou um protópito de um jogo para o ensino de análise e gestão de bacias hidrográficas. Este jogo de tabuleiro trata de aspectos relacionados a outorga e uso dos recursos hidricos nas doze regiões hidrográficas do território brasileiro, permitindo assim, uma visão ampla sobre as potencialidades e limitações de cada região. Aborda temáticas sobre uso e manejo de solo, análise das bacias, usos consuntivos e não consuntivos dos recursos hídricos e práticas de gestão de águas. A proposta de elaboração deste jogo está atrelada ao Programa de Estágio Supervisionado do curso de Geografia e ao Programa do Serviço de Apoio ao Estudante (SAE/UNICAMP), desenvolvidos no Instiuto de Geociências da Unicamp. O jogo é indicado para para estudantes de Ensino Médio e Graduação em áreas afins a temática proposta. 

Biografia do Autor

Cintia Dias Coelho, Departamento de Geografia, Instituto de Geociências, Unicamp

Departamento de Geografia, Instituto de Geociências, Unicamp

Ronaldo da Silva Monteiro, Departamento de Geografia, Instituto de Geociências, Unicamp

Departamento de Geografia, Instituto de Geociências, Unicamp

Raul Reis Amorim, Departamento de Geografia, Instituto de Geociências, Unicamp

Departamento de Geografia, Instituto de Geociências, Unicamp

Referências

Agência Nacional de Águas (Brasil). O Comitê de Bacia Hidrográfica: o que é e o que faz? / Agência Nacional de Águas. -- Brasília: SAG, 2011.

BRASIL. Conjuntura dos recursos hídricos no Brasil: regiões hidrográficas brasileiras – Edição Especial. -- Brasília: ANA, 2015.

BRASIL. Ministério do Meio-Ambiente. Agência Nacional de Águas (ANA). Cadernos de recursos hídricos 1: Panorama da qualidade das águas superficiais no Brasil. Superintendência de Planejamento de Recursos Hídricos - Agência Nacional de Águas (ANA). - Brasília: TDA Desenho & Arte Ltda , 2005.

BRASIL. Ministério do Meio-Ambiente. Agência Nacional de Águas (ANA). Cadernos de recursos hídricos 2: Disponibilidade e demandas de recursos hídricos no Brasil. Superintendência de Planejamento de Recursos Hídricos - Agência Nacional de Águas (ANA). - Brasília: TDA Desenho & Arte Ltda , 2007a.

BRASIL. Ministério do Meio-Ambiente. Agência Nacional de Águas (ANA). Cadernos de recursos hídricos 3: A Navegação Interior e sua Interface com o Setor de Recursos Hídricos no Brasil e Aproveitamento do Potencial Hidráulico para Geração de Energia no Brasil. Agência Nacional de Águas (ANA). - Brasília: TDA Desenho & Arte Ltda , 2007b.

BRASIL. Ministério do Meio-Ambiente. Agência Nacional de Águas (ANA). Cadernos de recursos hídricos 4: Diagnóstico da outorga de direito de uso de recursos hídricos no Brasil, e, Fiscalização dos usos de recursos hídricos no Brasil Agência Nacional de Águas (ANA). - Brasília: TDA Desenho & Arte Ltda , 2007c.

BREDA, Thiara; PICANÇO, Jefferson. O uso de jogos no processo de ensino-aprendizagem na geografia escolar. Encontro de Geógrafos da America Latina, v. 14, p. 1-19, 2013.

CECH, Thomas V. Recursos hídricos: história, desenvolvimento, política e gestão. Rio de Janeiro: LTC, 2013.

OLIVEIRA, P. J.; TORRES, F. T. P. Introdução à hidrogeografia. São Paulo: Cengage Learning, 2012.

TUNDISI, J. Galizia; BRAGA, Benedito; REBOUÇAS, Aldo C. Águas doces no Brasil. 2006.

VERRI, Juliana Bertolino; ENDLICH, Angela. A utilização de jogos aplicados no ensino de Geografia. Revista Percurso, v. 1, n. 1, p. 65-83, 2009. Geografia. Revista Percurso, v. 1, n. 1, p. 65-83.

Downloads

Publicado

2018-02-04

Edição

Seção

Geografia Física: Currículo, Formação e Práticas de Ensino