Comportamento hidrológico em uma área de movimento de massa na bacia do rio São Pedro- Nova Friburgo/RJ

Autores

  • Mariana Gomes Ferreira Universidade do Estado do Rio de Janeiro
  • Juliana Martins de Souza Universidade Federal do Rio de Janeiro
  • Ana Valéria Freire Allemão Bertolino Universidade do Estado do Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.20396/sbgfa.v1i2017.2513

Palavras-chave:

Propriedades hídricas. Movimento de massa

Resumo

Uma gama de eventos pode estar relacionada a deflagração de um movimento de massa, mas dentre os diversos fatores ligados a este processo, destaca-se o papel hidrológico. Neste sentido, esta pesquisa busca analisar a dinâmica hídrica de uma cicatriz localizada na bacia do rio São Pedro; no distrito de São Pedro da Serra, Nova Friburgo para diagnosticar o movimento da água no solo através do monitoramento de campo. Foram utilizados blocos de matriz granular (GMS) em profundidades de 15, 45 e 60 cm, em diferentes posições topográficas. Os resultados demonstram comportamentos hidrológicos distintos posições e profundidades. Analisando os dados pode-se perceber que o período apresentou médias de 133.84mm de precipitação, e o mês de dezembro apresentou o maior índice de precipitação; 480.0mm, a medida que agosto obteve apenas 29.91mm, período mais seco, mas os valores de kPa em profundidade (45cm/60 cm) permaneceram próximos a saturação com -31kPa.

Biografia do Autor

Mariana Gomes Ferreira, Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Departamento de  Geografia/Faculdade, Universidade do Estado do Rio de Janeiro/FFP.

Juliana Martins de Souza, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Departamento de Geografia/Faculdade, Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Ana Valéria Freire Allemão Bertolino, Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Departamento de Geografia/Faculdade, Universidade do Estado do Rio de Janeiro/FFP.

Referências

AMARAL, R. Desastres naturais: Conhecer para prevenir. Instituto Geológico: São Paulo, 2011. 196 p.

BLOOM, A. L. Superfície da Terra. Trad. Petri, Setembrino; Ellert, Reinholt. São Paulo: Bucher;EDUSP, 1970.

CRUDEN, D.M. A Simple Definition of a Landslide. Bulletin of the International Association of Engineering Geology, 43: 27-29. 1991.

ELDREDGE, E.P., SHOCK, C.C., STIEBER, T.D., 1993. Calibration of granular matrix sensors for irrigation management. Agron. J. 85, 1228-1232.

FERNANDES, N. F., Condicionantes Geomorfológicos dos Deslizamentos nas Encostas: Avaliação de Metodologias e Aplicação de Modelo de Previsão de Áreas Susceptíveis; Revista Brasileira de Geomorfologia, volume 2, nº 1 (2001)51-70.

SHOCK, C.C., BRNUM, J.M., SEDDIGH, M., 1998. Calibration of watermark soil moisture sensors for irrigation management. Int. Irrig. Show, San Diego, CA, USA, pp. 139-146.

SOUZA, J. M. Características do meio físico em um escorregamento de São Pedro da Serra e suas influências nas transformações da paisagem em Nova Friburgo - RJ. 2014. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro

SOUZA, J. M., ASEVEDO, L. A., SOARES,I. P., BERTOLINO, A. V. A.;Movimentos de Massa na Bacia do Rio São Pedro, município de Nova Friburgo, associado aos eventos de chuva de Janeiro de 2011 ACTA Geográfica, Boa Vista, Ed. Esp. Climatologia Geográfica, 2012. pp.149-163

TOLL, D. G., TSAPARAS, I.; RAHARDJO,H. The influence of rainfall sequences on negative pore-water pressures within slopes. Conference on Soil Mechanics and Geotechnical Engineering. ISSMGE, Istanbul, Turkey, 2, 2001. 1269-1272p.

TOMINAGA, L. K. Escorregamentos. In: TOMINAGA, L. K.; SANTORO, J.; AMARAL, R. Desastres naturais: Conhecer para prevenir. Instituto Geológico: São Paulo, 2011. 196p.

Downloads

Publicado

2018-02-04

Edição

Seção

Sistemas Geomorfológicos: Estrutura, Dinâmicas e Processos