O LUGAR COMO REFERÊNCIA DE APRENDIZAGEM NO ENSINO DE GEOGRAFIA: TRAJETÓRIA DOCENTE NO ESTADO DE SANTA CATARINA

  • Luciana Vieira
Palavras-chave: Espaço vivido, Docência, Narrativa

Resumo

O lugar como referência de aprendizagem no ensino de geografia trajetória docente no estado de Santa Catarina objetiva a leitura do mundo a partir do espaço vivido e cotidiano dos/das estudantes da Educação Básica, na perspectiva de marcar a identidade e pertencimento de ser e estar no mundo. O artigo é um fragmento da tese de doutorado onde realizei um estudo pelo método narrativo que relata minha história escolar enquanto estudante e professora, com experiências vivenciadas em diversos municípios do estado de Santa Catarina. Com objetivo de investigar significados, alcances e limites no ensino de Geografia do conceito geográfico de Lugar como marcador da identidade e do pertencimento do sujeito de aprendizagem numa leitura integrada de mundo a partir de sua experiência geográfica. Como resultado da pesquisa concluí-se que: temos a oportunidade na docência de pensar na educação geográfica como formação dentro da profissão; anunciar que a partir da experiência geográfica do lugar dos/das estudantes envolvidos/as nas suas rotinas e vivências cotidianas é possível ensinar Geografia e alongar o olhar para a leitura integrada do mundo; demonstrar também a diversidade de percepções do lugar trazidas nas vivências das crianças e adolescentes, bem como nos referenciais teóricos do ensino de Geografia e nos exemplos de atividades pedagógicas e identificar que a avaliação e aprendizagem geográfica compõem um enredo de condução do conceito de lugar como prelúdio ao conhecimento geográfico durante toda a narrativa. Em síntese expressa à realidade do exercício da docência considerando uma atividade de interações humanas; no reconhecimento da diversidade no espaço social escola.

Publicado
2019-12-05
Edição
Seção
Saberes docentes e a produção do conhecimento da Geografia Escolar