PLANTAS MEDICINAIS E ETNOCONHECIMENTO NA CIDADE DE HUMAITÁ-AM

  • Soraya do Carmo Souza
Palavras-chave: Migração, cotidiano, modo de vida

Resumo

O modo de vida rural é parte da cultura do povo brasileiro. Os tipos de cultivos, preparos de alimentos, nomenclaturas diferenciadas de plantas e animais. Contudo, uma prática comum herdada da cultura camponesa refere-se ao preparo de medicamentos à base de plantas medicinais nativas e cultivadas. Desse modo, propõe-se o estudo dos medicamentos naturais feitos a partir de plantas por alunos do Ensino Fundamental. E a compreensão da migração como elemento que contribui para a diversidade cultural. Tais conhecimentos são difusos na sociedade devido a constante troca de informações em função da necessidade de tratamentos de saúde domésticos, seja por causa da ausência do poder público ou por que se considera a medicina tradicional mais eficiente. Assim, este estudo pretende analisar as influências do etnoconhecimento camponês no modo de vida urbano, principalmente quanto ao uso de medicamentos produzidos a partir de plantas nativas e cultivadas, as informações serão produzidas a partir de trabalhos de campo com entrevistas sob a perspectiva da pesquisa participante na qual os estudantes poderão apreender a realidade como pesquisadores e sujeitos da situação social estudada.

Publicado
2019-12-09
Edição
Seção
Saberes e Práticas no Ensino de Geografia Infantil e Anos Iniciais do Ens. Fund.