OS DESAFIOS DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA: ENSINANDO CARTOGRAFIA A PARTIR DE NOVOS RECURSOS DIDÁTICOS

  • Gabriela Aparecida Lima da Silva
  • Maria Laura Mariusso
  • Vera Lúcia dos Santos Plácido
Palavras-chave: Geografia, inclusão, didática.

Resumo

Sabendo-se que todos vivemos em condição de igualdade, o presente trabalho vem com a proposta de tratar casos de inclusão em sala de aula a partir do desenvolvimento de novas técnicas didáticas. Para a compreensão deste tema sugerimos um tipo de olhar que transponha a deficiência visual e qualquer tipo de impedimento físico. “A Geografia enquanto ciência tem como objeto de estudo o espaço geográfico” (SELBACH, 2010, p. 32), e assim possui a capacidade, em sua forma de ensino, de se encontrar um leque de possibilidades e opções para se ministrar aulas em que o conteúdo possa ser aplicado para crianças com inclusão, fazendo com que a ciência torne-se inclusiva. A cartografia é o maior exemplo dentro dos saberes geográficos, abrindo uma sequência de alternativas para se ensinar a linguagem cartográfica e outros temas como localização, relevo etc. para deficientes visuais. Dessa forma a sugestão de adequação das práticas pedagógicas a fim de incluir todos os alunos é uma necessidade urgente e é por isto que este projeto propõe novos recursos didáticos que possam satisfazer essa necessidade, incluindo não só os alunos com necessidades especiais nas aulas que seriam direcionadas a aqueles que não possuem laudos, mas também incluindo aqueles que não possuem deficiência no mundo dessas crianças com limitações.

Publicado
2019-12-09
Edição
Seção
Linguagens cartográficas no Ensino de Geografia