NOS PASSOS DE SEVERINO: AS POSSIBILIDADES DE ENSINAR A GEOGRAFIA DAS SUB-REGIÕES NORDESTINAS COM O POEMA MORTE E VIDA SEVERINA

  • Daniela Kleinfelder
Palavras-chave: Geografia, literatura, interdisciplinaridade

Resumo

Apesar das adversidades cotidianas enfrentadas pelos professores brasileiros, muitos profissionais tentam contornar diversas situações (falta de infraestrutura nas escolas públicas e desvalorização da carreira) e buscam diversificar suas práticas de ensino com a finalidade de transformar essa prática e favorecer a aprendizagem do aluno em um processo diferenciado. No caso da Geografia, muitos recursos se apresentam como possibilidades para o desenvolvimento de atividades diversificadas, que podem facilitar a compreensão de conceitos que por vezes se mostram muito complexos e difíceis. No caso específico deste trabalho, o poema “Morte e Vida Severina” se configurou como um recurso didático para o desenvolvimento dos conteúdos sobre o Nordeste brasileiro para a turma do 7° ano.

Publicado
2019-12-10
Edição
Seção
Múltiplas linguagens no Ensino de Geografia