PROJETO GEO-ESCOLA: MÓDULO POÇOS DE CALDAS (MG)

  • Vinícius Arcanjo Monteiro
Palavras-chave: Tecnologias Educacionais; Ensino de Geociências; Poços de Caldas (MG).

Resumo

O projeto Geo-Escola oferece materiais didáticos digitais para professores da educação básica brasileira de uma determinada região. O material em um site inclui dados geológicos, imagens e mapas. A ideia e propósito do projeto é montar um projeto com materiais de ensino usando tecnologias educacionais. O primeiro passo é identificar os temas que devem ser enfatizados em sala de aula. Após a priorização dos temas, a interação resultante envolve palestras, cursos teórico-práticos e trabalho de campo. Embora o projeto Geo-Escola já tenha sido desenvolvido para outras realidades regionais, a pesquisa proposta pretende apresentar a proposta do Maciço Alcalino de Poços de Caldas - Brasil. A região possui inúmeras obras de referência em geologia, fornecidas pela produção científica, mas o uso desse material não vai (infelizmente) além do circuito acadêmico-universitário. A educação deve permitir a qualquer indivíduo reconhecer o que é esse maciço, como funciona e como as relações de vida se desenvolvem, tanto no tempo quanto no espaço. Em um sentido amplo, as Geociências podem ajudar os alunos a construir uma ideia sobre os mecanismos de evolução da Terra e sobre a interação permanente entre as esferas da Terra. O uso de computadores na educação pode explorar a linguagem visual, que está fortemente conectada ao raciocínio geológico, bem como alguns procedimentos metodológicos típicos da Geologia, múltiplas hipóteses explicativas, descrições científicas, raciocínio histórico e analógico. Isso requer mais incentivo para programas de treinamento de professores. Muitos especialistas da comunidade nacional de geologia são as pessoas mais capazes para decodificar conceitos principais de um grande volume de informações disponíveis. Promover interação com professores para difusão de Geociências. O objetivo desse artigo é apresentar o módulo Poços de Caldas do Projeto Geoescola, nas etapas preliminares de execução, como o mapeamento das escolas, a criação da rede (network) e a participação no programa Educador Aprendente criado pela Secretaria de Educação do município de Poços de Caldas.

Publicado
2019-12-11
Edição
Seção
Tecnologias digitais no Ensino de Geografia