A URBANIZAÇÃO BRASILEIRA NA SALA DE AULA: UMA PROPOSTA METODOLÓGICA PARA O ENSINO FUNDAMENTAL

  • Luiz Antônio de Souza Pereira
Palavras-chave: Ensino de Geografia, Geografia Urbana, Cidadania

Resumo

No ambiente escolar, a disciplina Geografia deve contribuir para o desenvolvimento e o aprofundamento da compreensão, análise e reflexão da dimensão espacial dos estudantes para que sejam capazes de realizar a leitura do seu cotidiano e do mundo. Assim como dos processos e dos fenômenos em seus diferentes níveis e relações escalares. A leitura do mundo é imprescindível para o exercício da cidadania. Os livros de geografia, via de regra, ao abordarem a temática urbana trazem textos, imagens e exemplos das grandes e principais cidades brasileiras, atendendo um mercado editorial em nível nacional. Ao mesmo tempo, não é raro muitos estudantes não conhecerem e se reconhecem como moradores do município em que vivem devido, entre outras coisas, ao afastamento da localidade em que vivem da área central. O objetivo do trabalho é compartilhar uma proposta metodológica para abordar a urbanização brasileira realizada no ensino fundamental (7° ano) na rede pública municipal de Petrópolis-RJ. O intuito é trazer o cotidiano dos estudantes para a sala de aula e possibilitar sua compreensão, análise e reflexão, ampliando e aprofundando a leitura da realidade urbana local e traçando comparações com o que ocorre em outros níveis escalares e tempos. Ao estudar a cidade e o urbano, os estudantes do sétimo ano do ensino fundamental são estimulados a pesquisar a história do local em que vivem e de seus familiares através da aplicação de questionário construído na sala de aula. Ao mesmo tempo em que visa aproximar estudantes e familiares e valorizar suas experiências e vivências.

Publicado
2019-12-12
Edição
Seção
Metodologias ativas no Ensino de Geografia