ENTRE A GEOGRAFIA ACADÊMICA E A GEOGRAFIA ESCOLAR: A PRÁTICA NO CONTEXTO DA FORMAÇÃO INICIAL DOCENTE EM GEOGRAFIA

  • Viviane Caetano Ferreira Gomes
  • Adriany de Ávila Melo Sampaio
Palavras-chave: prática; formação de professores; Geografia

Resumo

Embora a formação de professores constitua uma discussão histórica, a multiplicação de pesquisas na área deflagra a necessidade de permanentes investigações. Inúmeros são os objetos de análise no campo da formação inicial e construção da profissionalidade docente: as políticas regulatórias; as práticas de ensino e o estágio supervisionado; a relação entre os saberes acadêmicos e aqueles necessários e constitutivos da prática educativa cotidiana na Educação Básica, dentre outros. Considera-se que a relação entre os saberes acadêmicos e os saberes docentes, configura-se como um dos maiores desafios para as licenciaturas. Diante dessas questões, neste trabalho, que compõe parte das discussões teóricas produzidas por uma pesquisa em nível de doutorado, o objetivo é apresentar a prática no contexto da formação de professores em Geografia. Não apenas como dimensão curricular, ressalta-se a prática como importante balizador das reflexões a serem empreendidas no plano das interlocuções entre a geografia acadêmica e a geografia escolar, indispensáveis à formação e ao exercício docente nessa disciplina escolar.

Publicado
2019-12-12
Edição
Seção
Políticas de formação de professores e o Ensino de Geografia