A EDUCAÇÃO INCLUSIVA NO ENSINO DE GEOGRAFIA ATRAVÉS DO PROJETO DE EXTENSÃO A APRENDIZAGEM DA DOCÊNCIA

  • Jonas Ambrósio Hamud
Palavras-chave: Formação de Professores, Geografia, Educação Inclusiva

Resumo

Este texto, discute a importância dos projetos de extensão como forma de desenvolvimento de temáticas essenciais, mas ainda pouco discutidas na formação de licenciandos, especialmente a Licenciatura em Geografia da UFSC. A partir da identificação destas necessidades, surgiu o Projeto de extensão denominado ‘Aprendizagem da Docência’ (PAD), que, de forma colaborativa, organizou 36 atividades formativas ao longo de 2018. Dentre os diversos cursos e oficinas, uma grande parcela foi voltado para a inclusão escolar de pessoas com deficiências: flexibilização curricular, autismo, superdotação, deficiência intelectual, foram alguns dos temas trabalhados. O projeto foi desenvolvido pelo Núcleo de Estudo e Pesquisa em Ensino de Geografia (NEPEGeo), mas era aberto para todas as áreas das ciências da educação, abrangendo não apenas alunos da universidade a qual o projeto é vinculado, mas alcançando outras instituições de ensino superior e também cursos que não são voltados para a licenciatura. No que tange, à Geografia, foram abordados temas e metodologias de ensino para uma escola inclusiva.

Publicado
2019-12-13
Edição
Seção
Políticas educacionais e o Ensino de Geografia