Oficina pedagógica sobre lateralidade e orientação: uma experiência com alunos do ensino fundamental

Autores

  • Guilherme Moreira da Silva Universidade Federal de Santa Maria
  • Roberto Cassol Universidade Federal de Santa Maria
  • Maurício Rizzatti Universidade Federal de Santa Maria
  • Natália Lampert Batista Universidade Federal de Santa Maria

DOI:

https://doi.org/10.20396/sbgfa.v1i2017.1994

Palavras-chave:

Ensino de Geografia. Cartografia escolar. Prática pedagógica

Resumo

O presente artigo tem como objetivo geral apresentar e relatar uma Oficina Pedagógica realizada com alunos do Ensino Fundamental, sobre noções cartográficas de Lateralidade e Orientação. A proposta foi realizada em três momentos. Primeiramente ocorreu a apresentação do objetivo da atividade e a realizou-se uma contextualização sobre o assunto com os alunos, Após, realizou-se uma atividade com a turma em relação às noções de Lateralidade (“Tabuleiro Vivo”) – enfatizando a posição do ponto de referência. Por fim, ocorreu a realização da atividade referente à orientação espacial, denominada “Caça ao Tesouro”. Com a proposta, pode-se observar que os educandos que participaram da Oficina demonstrando interesse e motivação, bem como se notou a importância do ensino em Lateralidade e Orientação na geografia, visto que as mesmas tornam-se promissoras no auxílio ao homem e sua relação com os elementos presentes na superfície terrestre.

Biografia do Autor

Guilherme Moreira da Silva, Universidade Federal de Santa Maria

Acadêmico do Curso de Geografia, Universidade Federal de Santa Maria.

Roberto Cassol, Universidade Federal de Santa Maria

Prof. Dr. do Departamento de Geociências, Universidade Federal de Santa Maria.

Maurício Rizzatti, Universidade Federal de Santa Maria

Mestrando em Geografia, Universidade Federal de Santa Maria.

Natália Lampert Batista, Universidade Federal de Santa Maria

Doutoranda em Geografia, Universidade Federal de Santa Maria.

Referências

FRANCISCHETT, M. N. Cartografia no ensino da geografia: construindo caminhos do cotidiano. Rio de Janeiro: Kro Art, 2002.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: Saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996.

PASSINI E. Y. Alfabetização Cartográfica e o livro didático: uma análise crítica. Belo Horizonte: Lê, 1994.

RIZZATTI, M. Cartografia Escolar, Geotecnologias e a Teoria das Inteligências Múltiplas: a construção de conhecimentos geográficos no ensino fundamental. (Trabalho de Graduação) Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Ciências Naturais e Exatas, Departamento de Geociências, Curso de Geografia – Licenciatura Plena, RS, 2016.

SIMIELLI, M. E. R. Cartografia no ensino fundamental e médio. In: CARLOS, A. F. A. (Org.) A Geografia na sala de aula. São Paulo: Contexto, 1999.

SOUZA, V. L. C. A. A importância do letramento cartográfico nas aulas de Geografia. In: VI Congresso Latino Americano de Compreesão Leitora, 2013, Formosa. Anais do Congresso Latino Americano de Compreensão Leitora Jaime Cerrón Palomino, 2013. v. 6.

Downloads

Publicado

2018-02-04

Edição

Seção

Geografia Física: Currículo, Formação e Práticas de Ensino